Sem Direção

Sem rumo, sem direção,
Todas as escolhas parecem em vão,
Um mundo inteiro a oferecer,
Mil caminhos que poderei me arrepender,

Ruas de sangue,
Vielas lotadas,
Corpos quebrados,
Estradas rachadas,

Felicidade passageira,
Que dura a noite inteira,
Mas que acaba ao amanhecer,
Antes que se possa perceber,

Coluna dolorida,
Sangue na cabeceira,
Hematomas por todo o corpo,
Corpo boiando na banheira,

Coração palpitando,
Cabeças latejando,
Alma corrompida,
Veia entupida,

O sol faz arder os olhos,
Acostumados com a escuridão,
Que promete trazer felicidade,
Mas que só expõe a podridão,

Podridão interior,
Da alma e do coração,

Alma dilacerada,
Consciência pesada,
Uma vida inteira já se passou,
Mas de nada adiantou,

Felicidade,
Sempre procurada,
De todas as formas buscada,
Mas quase nunca encontrada,

Que é a vida,
Além de uma enganação?
Estamos todos condenados a danação,
Ou ainda haverá perdão?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s